Todas as coisas belas


Todas as Coisas Belas é um livro do mesmo autor de O Lado Bom da Vida, filme que rendeu a Jeniffer Lawrence o seu primeiro Oscar e que foi indicado a diversas categorias, até mesmo como melhor filme. Aqui temos uma garota adolescente, que vive em um dilema sobre quem ela realmente é o que realmente gosta, temos temas muito importantes abordados e principalmente como a mentalidade humana pode tornar-se uma confusão com apenas uma filosofia.

O ENREDO

Nannete O’Hare é uma adolescente de classe média alta, a melhor jogadora de seu time de futebol e popular. Entretanto, Nannete não gosta de jogar futebol e sequer gosta das atitudes de suas amigas de time, que gostam de ficar com os meninos mais velhos e possuem uma vida sexual ativa, por este motivo acaba sofrendo bullying, quando os estudantes insinuam que ela sejam lésbica.

Certo dia, seu professor mais próximo, Sr. Graves, decide entregar a ela um de seus livros preferidos O Ceifador de Chicletes, uma das poucas cópias que sobrara, pois o livro não foi mais publicado.

O Ceifador de Chicletes é um livro que conta a historia de um garoto chamado Wrigley que envolve irmãs gêmeas, uma tartatuga e um final não definido, o que choca Nannete e a faz ir em buscas de mais respostas a respeito do livro. Sr. Graves consegue marcar um encontro entre Nannete e o autor do livro Booker, que passou a ser seu amigo.

Booker acaba apresentando um outro fã a Nannete, Alex, e ambos descobrem que, além de O Ceifador de Chicletes, possuem outros gostos em comum.

Apesar de parecer um romance, o livro aborda temas extremamente importantes, como o bullying, a busca pelo sentido da vida e o fato de que não podemos viver sem conhecer a nós mesmos.

OS PERSONAGENS

A personagem principal, Nannete, é uma garota que precisa descobrir a si mesma, e ao longo da história descobrimos o quão difícil pode ser tentar descobrir nossos próprios gostos, nossas vontades e o que queremos para o nosso futuro.

Alex é um garoto impulsivo e que retrata um adolescente que não se importa com seu futuro, pensa apenas no que deve fazer do seu presente.

Além destes personagens mais mencionados no livro, temos Booker, que participa de grande parte da vida dos adolescentes e que, apenar de proibir a menção de seu livro durante as conversas, tenta ajudá-los em seus dilemas pessoais, sem muito sucesso, por não ser um profissional no assunto.

Diversos personagens secundários foram acrescentados a história, todos têm sua importância, como os pais de Nannete e sua amiga Shannon, que apenar de não serem o foco da história, ajuda Nannete em seu descobrimento pessoal.


MINHAS IMPRESSÕES

Eu gostei muito do livro, acredito que foi muito bem elaborado e que a mensagem do autor é bem clara em relação ao tema abordado.

Primeiro que nós podemos fazer o que queremos fazer e que não precisamos fingir ser alguém que não somos apenas para agradar o mundo exterior e segundo, que ninguém nunca sabe como a vida pode acabar, o que pode acontecer daqui para a frente não podemos saber, precisamos apenas viver.

Este foi o meu entendimento sobre a estória, e achei muito interessante como o autor quis nos mostrar esse tema, me identifiquei com o fato de podermos fazer o que queremos, uma vez que, sou formada em Direito e nunca gostei do curso, larguei minha cidade e me mudei para o interior no Paraná e hoje trabalho como auxiliar administrativo, se isso me faz feliz? Não sei, mas não me faz mais infeliz do que como eu vivia em minha cidade.

Eu, particularmente, acredito em uma vida eterna após essa nossa vida aqui na terra, e que somos apenas passageiros, estrangeiros vivendo aqui e que Deus tem algo para nós depois desse caos, mas enquanto isso... temos apenas uma vida a ser vivida nessa loucura, vamos viver essa única vida infeliz? Penso nisso.

CITAÇÕES FAVORITAS

“Eu sabia que era privilegiada, mas do que valia ter tantos privilégios se não podia fazer minhas próprias escolhas? Era um privilegio passar a vida inteira nutrindo infelicidade por dentro?” (pág. 40)

“O que me incomodava era ter que repetir o comportamento dos outros.” (pág. 66)

“- As vezes é preciso lutar – disse Alex. – Se você não luta, você é que é massacrado." (pág. 89)

“Todo mundo precisa cuidar de si mesmo primeiro.” (pág.156)

“Nas peças de Sócrates que leu até agora, todos os heróis tem um final trágico porque não cedem; insistem em agir como julgam correto e em controlar tudo, então Nannete decide ceder.” (pág. 220)

“E um dia procurará por si mesmo no reflexo do espelho e não mais se reconhecerá – verá apenas todos os outros. Saberá que fez o que queriam que fizesse. Terá se tornado igual a eles. E vai se odiar por isso, porque será tarde demais” (pág. 239)

“As experiências que você teve com as outras pessoas foram em grande parte determinadas pelas escolhas dos seus pais (pág. 258)

“– Às vezes é preciso escolher uma direção e cometer erros. Assim a gente usa o que aprendeu e escolhe caminhos melhores para cometer mais erros e continuar aprendendo.” (pág. 258)

“– Eu queria ser quem vocês queriam que eu fosse – falo. – Tudo seria bem mais fácil.” (pág. 263)

SOBRE A EDIÇÃO

O livro tem uma capa colorida bem incrível e chamativa, a contracapa é igualmente atrativa. Ele possui capa mole, é pequeno e cabe dentro de uma bolsa. Tem páginas amarelas e em um tamanho bom para leitura.

DADOS

Todas as Coisas Belas, Matthew Quick – Ano 2016 – 269 páginas – Intrínseca

ONDE COMPRAR


Escrito pela resenhista Jess.

Comentários

  1. Já estou doida pra ler, li O Lado Bom da Vida e gostei muito!

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim, é muito bom! Dei uma passadinha no seu blog! muito lindo <3

      Excluir
  2. Olá, Jess.

    Eu adoro livros que tratam estes assuntos. Não só porque me identifico de certa forma, mas também porque acho necessário dialogarmos (mesmo que internamente) sobre quem somos e o que queremos deveras. Vou pesquisar mais sobre o livro, fiquei com vontade de lê-lo.

    Adorei a resenha!
    Beijos
    Cantinho da Escrita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim! Você vai gostar! Passei no seu blog, achei lindas as suas fotinhas <3 estou te seguindo. Bjos!

      Excluir

Postar um comentário

back to top