Conto de Dragões, Fabi Zambelli


Mariane é uma estudante universitária, que leva uma vida comum, na cidade de Jundiaí, interior do estado de São Paulo. Certo dia, após ter um sonho bastante diferente envolvendo dragões, Mariane recebe um telefonema misterioso, de um rapaz que a princípio não quis se identificar. Mais tarde, nossa personagem principal acaba se encontrando pessoalmente com o rapaz do telefonema, Andrey, que aparece em um supermercado de forma estranha para ela, e depois, começa a estudar em sua sala, na universidade, esquisitamente na semana de provas, fato que faz com que Mari desconfie do rapaz.

Mariane, corajosa, acaba indo tirar satisfação com o jovem, e com o tempo, os dois acabam se aproximando, mesmo que a apresentação deles tenha sido estranha, Mariane se sentiu estranhamente atraída pelo garoto de cabelos avermelhados.

“- Segredo, - Quem quer que fosse, estava rindo. Era uma risada deliciosa e agradável. – Foi você quem sonhou com dragões, não foi? – A voz havia adquirido um tom mais suave”

Quem não gostou nada da aproximação dos dois, foi o amigo de Mari, Matheus, que sempre escondeu seus sentimentos especiais por ela, e se preocupa com a amiga.

“Matheus o vira tendo uma conversa estranha com a amiga e os ouvira combinas de saírem juntos à noite. E recordar-se do fato não o ajudava a se controlar”

Andrey acaba revelando sua identidade verdadeira a Mari, expõe a ela que é um dragão e vinha de outro planeta. Revelação que acaba chocando Mariane, e deixando-a confusa em relação aos seus sentimentos, pois como uma humana poderia se apaixonar por um dragão?

Ao desenvolver da história, somos apresentados também a uma outra espécie, os Giants, criaturas bizarras que, ao descobrirem que os dragões estavam vivendo na terra, decidem partir para o planeta com a intenção de enfrenta-los, sendo seus terríveis rivais.

Giulian, o rei dos giants, chega a terra com uma estratégia. Buscar aliados nas forças militares do Brasil, com o objetivo de colocar as pessoas contra os dragões e conseguir apoio das forças armadas dos humanos.

Em meio a história, vemos muita magia, amor e surpresas. Uma delas, sem dar spoiler, é que até mesmo Matheus, o amigo de Mari, é uma pessoa especial, e nunca fora apenas um humano comum.

Mais a frente, recebemos também, uma explicação bastante interessante sobre o motivo de Andrey ter se aproximado de Mariane, que não foi simplesmente por acaso que ele ligou para ela e buscou conhecê-la.

Será que um amor consegue nascer em meio a grande tempestade e guerra que começa a ser formada entre os dragões e os giants? Mariane tem uma escolha muito difícil ao ver o seu mundo virar de ponta cabeça ao conhecer Andrey, e ver que o que pensava ser apenas um conto de fadas, era na verdade muito real e surpreendente.

MINHA OPINIÃO

Preciso começar dizendo que me encantei pelo universo criado pela autora. Não li muitos livros de fantasia escritos por um autor brasileiro, nunca me chamou a atenção, mas esse livro me ganhou.

A história é rica em detalhes, momentos, sentimentos e etc, são todos muito bem narrados, o que torna a leitura mais gostosa para imaginar o acontece ali, com nossos personagens.

Algo que chamou bastante minha atenção foi a aparência dos personagens “especiais”, como por exemplo os giants, que possuem características bem diferente quando estão na sua forma natural, não humana.

Como o livro é narrado em terceira pessoa, enquanto lemos, núcleos de outros personagens vão aparecendo, como o do Tenente Nunes, que é a ajuda que Giulian busca em sua estratégia de guerra contra os dragões. O que é algo muito interessante de se ver, uma realidade acontecendo, pois sempre que leio livros de fantasias, tipo de vampiros, fico imaginando se o governo nunca descobre esses seres de mais de mil anos matando pessoas no mundo?! foi legal ver militares envolvidos.

Falando em vampiros, vi muitas semelhanças do livro com Crepúsculo, como o fato de Andrey ser um cara diferente, apaixonado pela humana, corre muito rápido e também precisa de sangue para renovar suas energias. Claro que nem tudo é igual, mas enquanto eu lia, me lembrei de Crepúsculo, que foi minha paixão de adolescente.

O fato de toda a história acontecer no Brasil é bem interessante, e eu gostei muito de ver os personagens mencionando ou indo a lugares que eu já tive a chance de conhecer, como o Shopping Dom Pedro e a Lagoa do Taquaral. As vezes quando leio os livros dos autores americanos, que se passam tão longe, preciso dar um google e ver o lugar para ter noção das coisas, Crepúsculo mesmo, eu tive que ver como eram aquelas florestas de Forks! 

Infelizmente preciso falar do ponto negativo que encontrei no livro. Eu não me identifiquei com o romance entre o casal. Acredito que tudo começou de forma estranha, pelo menos para mim, se alguém me ligasse dizendo as coisas que Andrey disse a Mariane, eu desligaria na cara da pessoa e ainda faria um B.O. na delegacia rsrs as coisas andam perigosas hoje em dia.

Não sei se foi por causa dessa primeira impressão, mas acabei não curtindo muito os momentos românticos do livro, não gostei da história já começar com Andrey apaixonado por ela sem conhece-la pessoalmente, eu gosto de livros que o amor vai crescendo. Apesar de ser muito bem narrado e detalhado, não consegui sentir aquele entusiasmo gostoso que sentimos quando lemos um livro de romance.

Apesar deste único ponto, todo o enredo foi muito bem bolado e narrado, eu nunca li um livro do tipo “humano” que se transforma em dragão. Sou apaixonada por livros que envolvam dragões, então essa obra foi uma novidade muito gostosa para mim.

A autora ainda possui mais 17 obras não publicadas! Se essa obra já chama muito a atenção, imagina as outras... Eu com certeza leria outro livro dela, pois Conto de Dragões ganhou meu coração!

DADOS


  Título: Conto de Dragões
  Autora: Fabi Zambelli
  Editora: Novo Século
  Número de páginas: 416
  Ano de publicação: 2016
  CLASSIFICAÇÃO: 

Comentários

  1. Que interessante! Nunca pensei em um tema como esse sendo representado no Brasil, achei bem criativo!
    PS: Achei essa capa extremamente linda <3

    Toca da Lebre

    ResponderExcluir
  2. Que temática incrível <3 super me interessei pelo livro e com certeza vou procurar mais sobre ele, a sua resenha ficou linda também, você escreve bem e passou toda uma energia positiva sobre o livro! Parabéns!!

    ResponderExcluir
  3. Eu também li poucos livros de fantasia nacional. E lendo sua resenha vi que foi criado um universo com elementos que eu amo. Não conhecia o livro e fiquei com vontade de ler - ainda mais pq se passa em um lugar próximo daqui rs

    Beijos
    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  4. Também prefiro quando o amor vai crescendo aos poucos, mas é uma pena que você não tenha gostado tanto da leitura.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  5. Bacana ver a resenha de uma fantasia nacional, infelizmente não temos o hábito de valorizar coisas produzidas por nossos autores, né? Esse não é um gênero que tenho o costume de ler mas fico feliz que a obra seja tão boa assim, fiquei interessada e essa capa é linda.

    ResponderExcluir
  6. Bem diferente a ideia do livro, envolvendo dragões. Achei bem criativo. Parece interessante.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  7. Eu não conhecia o livro, mas fiquei muito curiosa. Eu gosto de fantasia e histórias com dragões ainda mais. Achei bem legal saber que é uma obra nacional e espero ter a oportunidade de ler também.

    ResponderExcluir
  8. Ola, eu não gosto muito dessa capa e com certeza passaria longe. Mais a resenha despertou em mim a vontade de conhecer o livro e a autora eu nunca li nada que envolve-se dragão e agora quero ler. Vou procurar esse livro dica anotada

    ResponderExcluir
  9. Olá! Achei bem interessante o fato de tudo isso se passar no Brasil. As vezes mesmo o autor sendo brasileiro, ambienta as histórias em outros países, e isso foi realmente legal. Agora eu vou passar a dica, por não curtir esse gênero. Sua resenha tá maravilhosa, que bom que você gostou!

    Um beijo, Por Amor aos Livros

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?
    Curto bastante literatura nacional, mas livros de fantasia não são o meu forte. Já li em um outro momento, bem distante, diga-se de passagem. Adorei sua resenha e a fora como escreve, mas desta vez passo a dica! Bjo
    http://colecionandoromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Achei bastante interessante a premissa do livro, além do fato de se passar no Brasil! Gostei da dica, espero ter oportunidade de ler no futuro.
    Bjos
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Acho legal quando o autor consegue nos prender em meio o seu mundo de fantasia. Não é um gênero que leio com frequência, mas gostei de conhecer mais seu ponto de vista através da sua experiência e por ele ter um diferencial, nunca vi alguma referência nesse estilo aqui no Brasil.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  13. Olá, ainda não conhecia esse livor mas pela sua resenha, mesmo com o ponto negativo, parece ser fantasticamente sensacional. Amei saber que a ambientação é no Brasil e que temos dragões.

    ResponderExcluir
  14. Olá!

    Ao ler sua resenha também lembrei de Crepúsculo, série que infelizmente perdi parte da minha adolescência lendo. Também reparei que, tipo, a moça chega no rapaz estranho e tira satisfação com ele, tipo, ela é doida ou muito corajosa?

    ResponderExcluir
  15. Oieee. Chamou muito minha atenção, e achei legal esse universo que a autora criou porém concordo, gosto mais do romance ir crescendo e o leitor acompanhando.

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?
    Fico feliz que tenha gostado da leitura, mas o gênero não faz meu estilo de leitura.. dessa vez deixarei sua dica passar. Mas sei de algumas amigas que irão adorar!

    Bjs
    Blog Tell Me a Book

    ResponderExcluir
  17. Já li muitos livros de fantasia nacionais e raramente me arrependo, mesmo a maioria sendo entre juvenil e infanto-juvenil. essa semelhança com Crepúsculo me deixou um pouco pé atrás, mesmo assim, eu leio tranquila por amar o estilo.

    ResponderExcluir
  18. Oii! Nossa, parece ser uma história maravilhosa e cheia de ação e aventura. Eu estava desconfiada que o Andrey fosse o dragão haha, adorei! A sua resenha está ótima e vou adicionar esse livro na minha lista, obrigada pela dica. Bjss!

    ResponderExcluir
  19. Olá!
    Eu curto muito esse estilo de livro, principalmente, por pensar que o amor soluciona as coisas, sabe? Entretanto, eu não gosto disso ser o foco total do livro, o que não é o caso aqui, já que você não curtiu apenas as partes românticas, o que, a principio, não parece ser um problema pra mim.
    Vou anotar a dica.
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Acredito que deva ser uma leitura interessante para quem gosta da temática, mas não gosto muito deste gênero literário. Boa sorte com o blog :)

    Portal GATILHO
    https://portalgatilho.wordpress.com

    ResponderExcluir
  21. Oii.
    Nossa faz muito tempo que não leio um livro de fantasia. O que me lembra que tenho que ler mais livros do gênero, esse parece ser um bom livro para retomar.
    Vai já para a minha listinha.
    Amei a resenha.
    Bjs Mary

    ResponderExcluir
  22. Oi, não conhecia o livro nem a autora, obrigada por nos apresentar. Fantasia não é meu gênero, mas confesso que amo quando as histórias se passam em nossas terras tupiniquins. Rs. Romance instantâneo também não me convence. Uma pena que a autora optou por isso. Um beijo, tudi bão e boas leituras para nós.

    ResponderExcluir
  23. Olá, tudo bem?
    Eu adoro histórias com dragões, esse livro já está aqui para eu ler e não vejo a hora. Pelo visto vou amar o universo que ela criou, também sou fã de Crepúsculo então se o livro te lembrou um pouco da história, já irá me agradar. Pena a parte do romance. Gostei muito da sua resenha sincera.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

back to top